CIRURGIAS

Câncer de Estômago

Introdução: O tumor mais importante do estômago é denominado adenocarcinoma gástrico (95% dos casos). Representa o segundo câncer mais comum em todo mundo sendo que a maioria dos casos novos ocorre nos países em desenvolvimento. No Brasil ocupa o terceiro lugar entre os homens, perdendo apenas para câncer de pulmão e próstata e quarto lugar entre as mulheres, atrás do câncer de mama, colo do útero e tiróide. Acomete mais comumente pessoas na quinta década de vida e 2 vezes mais homens que mulheres.

Fatores de Risco: Dieta rica em sal e alimentos com conservantes salgados, nitritos e nitratos, uso abusivo de álcool, tabagismo e fatores hereditários.

Fatores Crotetores: Dieta rica em vitamica C e betacaroteno.

Papel do H.pylori: Trata-se de uma bactéria altamente prevalente na população brasileira. Sua real correlação com o câncer de estômago ainda é incerta e sua erradicação deve ser pensada caso a caso.

Quadro Clínico: No início a doença é pouco sintomática podendo se manifestar com dor abdominal crônica. Conforme a progressão da doença, sintomas como saciedade precoce, empachamento, sangramentos digestivos e perda de peso surgem.

Diagnóstico: Exame de escolha é a Endoscopia Digestiva Alta que é capaz de identificar lesões e realizar biópsia. Após confirmação de lesão cancerosa é fundamental que se realize tomografia de tórax, abdome e pelve para estadiamento e programação de tratamento.

Tratamento: Na maioria das vezes o tratamento é cirúrgico. Em alguns casos selecionados, quando doença precoce, pode ser tentado o tratamento endoscópico. Quimioterapia pode ser necessária antes ou após a cirurgia.

11 3167-3886 | 3167-3887

Rua Tabapuã, 1123 - conj 21/22 - São Paulo - SP

contato@gastrokt.com.br